segunda-feira, 24 de maio de 2010

domingo, 20 de dezembro de 2009

Sonhos de Fim de Ano

video

Fonte: youtube.com

Feliz Ano Novo!!!


Feliz Ano Novo

As 4 Velas
Quatro velas estavam queimando ruidosamente, calmamente.
O ambiente estava tão silencioso que podia se ouvir o diálogo que travavam:
A primeira vela disse:
- Eu sou a Paz !
Apesar de minha luz as pessoas não conseguem manter-me acesa, acho que vou apagar.
E diminuindo devagarzinho, apagou totalmente.
A segunda vela disse:
- Eu me chamo Fé! Infelizmente sou muito supérflua.
As pessoas não querem saber de mim.
Não faz sentido continuar queimando.
Ao terminar sua fala, um vento levemente bateu sobre ela, e esta se apagou.
Baixinho e triste a terceira vela se manifestou:
- Eu sou o Amor! Não tenho mais
forças para queimar.
As pessoas me deixam de lado, só conseguem se enxergar, esquecem-se
até daqueles à sua volta que lhes
amam. E sem esperar apagou-se.
De repente... entrou uma criança e viu as três velas apagadas.
- Que é isto? Vocês deviam queimar e ficar acesas até o fim.
Dizendo isso começou a chorar.
Então a quarta vela falou:
- Não tenha medo criança.
Enquanto eu queimar, podemos acender as outras velas.
Eu sou a Esperança.
A criança com os olhos brilhantes, pegou a vela que restava e acendeu todas as outras...
(Autor desconhecido)
ESPERO QUE A VELA DA ESPERANÇA NUNCA SE APAGUE DENTRO DE VOCÊS.
Tenham um ótimo Natal e um Maravilhoso Ano Novo!!!

Núbia

Autoavaliação

O GESTAR II me deu a oportunidade de vivenciar duas situações ao mesmo tempo. A primeira enquanto cursista onde tive o privilégio de ter como minha formadora, Tamar Rabelo com a qual aprendi muito e senti-me motivada a estudar e compartilhar com outros professores conhecimentos e aprendizagens adquiridas ao longo da formação. A segunda com os meus cursistas onde passei a exercer o papel de formadora, uma experiência ímpar, prazerosa, enriquecedora e gratificante. Juntos compartilhamos dúvidas, conhecimentos, desafios, angústias, soluções, vitórias e descobertas positivas.
Apesar do material do Gestar ser muito bom, busquei outras fontes para enriquecer as oficinas além é claro das ideias que surgiram nos momentos de estudo e planejamento das oficinas. Foi uma formação diferenciada das quais já havia participado anteriormente, pois trouxe a teoria e mostrou como fazer na prática. O que despertou o instinto investigativo de pesquisador que é o que devemos ser enquanto professores eternos pesquisadores. O Gestar permitiu isso na medida em que os professores em lócus desenvolviam as atividades com os alunos, analisavam os resultados, socializavam no grupo, tiravam conclusões e buscavam formas de intervir nos problemas detectados tendo como foco o desenvolvimento do aluno na leitura e na escrita. Foram nesses momentos que pude também aprender, dar sugestões e desenvolver atividades com eles que pudessem ser aplicadas junto aos alunos, verificando sempre qual a melhor forma de desenvolvê-las, com o olhar voltado para o nível de aprendizagem da turma e fazendo as adaptações necessárias. Enfim durante este tempo que estivemos juntos pude perceber o quanto aprendi e o quanto pude contribuir com meus cursistas sempre os estimulando, tirando suas dúvidas, dando sugestões. Procurando atender aos seus anseios, é claro, dentro das minhas possibilidades. Acredito que cumpri meu papel de formadora de forma eficiente e efetiva o que pode ser evidenciado pelos depoimentos e agradecimentos deles não só no Seminário de Avaliação, mas no decorrer das oficinas. Senti-me valorizada e o meu trabalho reconhecido o que me incentivou cada vez mais a dar o melhor de mim. Apesar de estar fora de sala de aula, hoje me sinto muito mais preparada para trabalhar na prática tudo que aprendi. A semente foi plantada e certamente colheremos bons frutos. Vale salientar que o Gestar foi a formação esperada por todos, porém o seu sucesso se deve principalmente ao empenho, compromisso e responsabilidade dos formadores envolvidos e certamente da participação efetiva e comprometida dos nossos cursitas. Portanto diante de tudo que foi exposto só tenho a agradecer a todos os meus colegas formadores pelo convívio e principalmente aos meus cursistas pela bela viagem que fizemos juntos rumo ao conhecimento, pela oportunidade de nos conhecermos melhor e pela contribuição que deram permitindo-me também aprender com eles.
Valeu !!!!
Um GRANDE abraço a todos e até breve.

Núbia

domingo, 13 de dezembro de 2009

video

Seminário de Avaliação


Neste sábado, 12 de dezembro de 2009, realizamos a última atividade prevista pelo Programa Gestar II, O Seminário de Avaliação. O encontro aconteceu no prédio da UPE – Universidade de Pernambuco – Campus Salgueiro. Iniciamos com a leitura de um texto “Almas Perfumadas” que trás uma mensagem sobre o perfume que cada pessoa exala por onde passa e que muitas vezes não percebe. E que esse perfume é dom de Deus. Em seguida deu-se a apresentação da auto-avaliação dos cursistas cada um dispôs de dez minutos para sua apresentação. A professora Aurilú Sampaio Andrade iniciou dizendo que: “Quando se fala em projeto de Governo se pensa em um monte de textos pra ler e ficar no fundo de uma gaveta. Mas esse Programa foi diferente trouxe a vivência na prática. Hoje com vinte e três anos de trabalho em pouco tempo aprendi e cresci muito. O Gestar II foi uma viagem no trabalho desenvolvido com a leitura e escrita. Tive algumas dificuldades no início em relação ao envolvimento de alguns alunos nas atividades em sala de aula principalmente no que se refere à produção e apresentação de textos. Hoje eles são os primeiros a se envolverem nos trabalhos”. O Professor, Claytson Douglas Chalegre, no inicio encontrou algumas barreiras, mas com o decorrer das atividades tudo fluiu favoravelmente. "Foi trabalhoso, porém não existe sucesso sem trabalho e devemos continuar com essa prática". Resumiu o Gestar em: trabalho, determinação, esperança, sucesso, vontade, conhecimento, sabedoria, êxito e realização. A professora, Cristiane Lopes da Silva Bezerra iniciou dizendo que “ o Gestar foi a saída para os professores de Língua Portuguesa, pois veio inovar e motivá-los para uma prática que de fato leve o aluno a ser um leitor e produtor de textos competente. O Gestar deu essa oportunidade de através de uma viagem cheia de descobertas contribuir para o desenvolvimento da aprendizagem do aluno. Portanto o Programa cumpriu o seu objetivo principal despertar no professor o prazer de ensinar”. A Professora Élrica Daiane de Oliveira Barros, quando iniciou há três anos a sua carreira sentiu-se frustrada desanimada. Segundo ela os subsídios de que precisava para ser uma professora atuante com seus alunos não vieram do curso de Magistério ou da Faculdade, mas da Formação proporcionada pelo Gestar II, ou seja, em sete meses o aprendizado foi positivo e ajudou muito no seu trabalho de sala de aula. A concepção que tinha do ensino da Língua Portuguesa mudou e consequentemente sua prática também. Através desta formação sente-se direcionada para um trabalho que trás práticas motivadoras tanto para o professor quanto para os alunos. Francisca Elineide de Sá relatou que "apesar de ter uma turma difícil na maioria alunos repetentes e desmotivados. Hoje percebo um avanço na leitura e escrita dos textos, Porém ainda é preciso fazer muito mais para que de fato se tornem leitores e escritores proficientes. O Gestar auxiliou muito nesta tarefa, pois aprendi a trabalhar com a leitura e escrita de forma dinâmica, despertando o interesse e motivando os alunos a participarem das atividades. Não adianta somente cobrar dos alunos é preciso motivá-los". Para o professor João Pires Sobrinho, o Gestar foi uma formação que o surpreendeu enquanto profissional principalmente com as atividades práticas as quais realizou em sala de aula. "Percebo um avanço na leitura e escrita dos alunos apesar das dificuldades que ainda precisam ser superadas. Este é um trabalho em longo prazo". O professor Josimar Rodrigues de Magalhães expôs que esta formação promoveu condições para que o aluno desenvolvesse competências na escrita e nas atividades de oralidade, além de facilitar na elaboração de um bom planejamento que envolvesse um trabalho com leitura, escrita e análise linguística. Trabalhava com atividades isoladas e hoje prepara seus planejamentos com sequências didáticas a partir dos gêneros textuais e daí aborda todos os eixos que devem ser trabalhados no ensino da Língua Portuguesa. Este diferencial tem tornado suas aulas mais significativas, prazerosas. "O Gestar trouxe conhecimento, dinamismo para as aulas e uma proposta de trabalho de sucesso. A cursista Lucileide Gonçalves Vieira Torres durante a realização das atividades propostas pelo Gestar percebeu que suas aulas se tornaram mais prazerosas e dinâmicas. O que contribuiu para um envolvimento dos alunos nas atividades de leitura e escrita. "Antes os alunos não gostavam de produzir textos e quando faziam eram textos curtos que não passavam de cinco linhas faltavam-lhes ideias. Aprendi que para o aluno produzir textos exige toda uma preparação inicial que o mobilize e lhe dê suporte para escrever. No entanto fazer com que o aluno sinta prazer na leitura e na escrita é uma meta que requer um trabalho contínuo por parte de todos os envolvidos neste processo". Para as Professoras: Mércia Cristina Duarte, Márcia Solange Lucas, Maria de Fátima Gonçalves Maia, Núbia Cristina e Maria do Socorro Alves, uma das dificuldades encontrada para desenvolver um trabalho de maior sucesso com os alunos se deve ao fato de serem Educadoras de Apoio e não conviverem dia a dia com os alunos em sala. Somente por ocasião da aplicação das atividades do Avançando na Prática. Avaliaram o Gestar como um presente que veio acrescentar na prática do professor. Foi um horizonte que se abriu Uma planta em crescimento uma semente plantada que tem dado belas flores e que no futuro frutificarão com as sementes. Que esta formação não deveria parar por aqui. Aprenderam muito. Apropriaram-se de conhecimentos. Foi importante, a formação tão sonhada pelos professores era o que faltava para estimulá-los a inovarem suas aulas. Quanto aos alunos as dificuldades percebidas na leitura e escrita melhoraram, mas não o suficiente e concluíram que apesar da contribuição dada aos alunos nas atividades realizadas em sala se faz necessário um trabalho constante do professor em promover atividades práticas e estimulantes de leitura e escrita. Um dos pontos positivos foi tornar as aulas mais dinâmicas o que favoreceu uma integração entre aluno e professor e vice versa. A professora Desterro Rodrigues desenvolveu seu portfolio com uma turma de quinta série composta de quarenta e dois alunos. "Diante das dificuldades encontradas na leitura e escrita em uma turma onde 5% não ler consegui envolvê-los nas atividades e alguns avanços foram alcançados, mas ainda há muito a ser feito. O Gestar contribuiu muito para isto, pois as aulas se tornaram mais dinâmicas e diversificadas. Temos um material muito rico". A professora Marinês Alves Gondim apesar de já ter participado de várias formações segundo ela nenhuma foi como o Gestar. Ajudou muito na sua prática de sala de aula. Não tinha segurança e não acreditava no seu potencial profissional a partir desta formação descobriu que não é incompetente, mas que assim como os alunos precisam de subsídios para produzir seus textos e se tornarem leitores, o professor também precisa ser estimulado. "E o Gestar veio para isso para trazer motivação, conhecimento o que sem dúvida refletiu na aprendizagem dos alunos. A turma mostrou interesse nas atividades, passou a ler mais e a escrever textos com menos dificuldades". Para Maria Neuma de Oliveira Gomes A formação não ficou somente no faça, mas mostrou como fazer, o que possibilitou a troca de experiências direcionando o trabalho do professor para superação das dificuldades do aluno na leitura e escrita. Certamente estas não foram superadas completamente apesar de ter trabalhado com uma turma muito participativa. Mas foi dado o primeiro passo resta agora continuarmos este trabalho nos próximos anos. A professora Fátima Moura relatou que "o Gestar trouxe formas diferenciadas para trabalhar leitura e escrita o que contribuiu através das atividades vivenciadas em sala para um melhor desempenho dos alunos". A professora Antônia Maria Pereira Meneses não pode comparecer ao Seminário por estar cirurgiada, no entanto mandou sua auto-avaliação escrita e o seu portfolio para apreciação de todos. Concluímos com a apresentação da professora Waneska Silva Marins onde relatou que "depois do Gestar melhorou a participação dos alunos nas atividades por serem interessantes e prazerosas e que foi um instrumento motivador que proporcionou avanços na aprendizagem dos alunos. Foram apresentados ainda os projetos desenvolvidos pelas escolas. Leitura caminho para o sucesso, (Escola Manoel de Queiroz - São José do Belmonte), Leitura fonte de prazer, (Escola Francisco Alves - Mirandiba), Ler por prazer e escrever, (Escola Antônio Vieira de Barros - Salgueiro), Leitura e compreensão, (Escola Valdemar Meneses - Salgueiro), Gerando leitores, (Escola Agrícola de Umãs - Salgueiro/Rural), Conta Mais, (Escola André Nunes - Mirandiba), Trabalho com textos nas aulas de Língua Portuguesa, (Escola Dr. Walmir Campos - São José do Belmonte) e Refletindo ortografia Escola Professor Manuel Leite. Para concluir a última etapa desta formação foi oferecido aos formadores e cursistas um almoço de confraternização no Plaza Hotel. Na ocasião foram expostos todos os portfolios para apreciação e a chefe da UDE Maria Bezerra proferiu palavras de agradecimentos pela participação de todos e pelo empenho dos formadores. Para encerrar a equipe de formadores preparou uma homenagem aos cursistas através de um vídeo com fotos e uma mensagem “A Árvore dos Amigos” e “Sonhos de Fim de Ano”.
Ser formadora do Gestar II foi uma experiência ímpar. Aprendi muito, fiz amigos, foram momentos inesquecíveis. Troca de conhecimentos e experiências valiosas. Muito gratificante ouvir e sentir nas palavras de agradecimento dos cursistas o reconhecimento e a valorização do trabalho que realizei. Um trabalho desenvolvido com muito empenho e carinho. Buscando sempre fazer o melhor. Crescemos juntos. Agradeço também a GRE – Sertão Central pelo apoio que nos deu do inicio ao fim desta formação. E aos meus cursistas e colegas formadores desejo muito sucesso nas suas ações e que cada um continue espalhando o perfume do Gestar contagiando a todos por onde passarem.
A todos um Feliz Natal e um Ano Novo cheio de realizações.
Um grande abraço !!!

Núbia.



























Projetos desenvolvidos pelas escolas

Escola Francisco Alves
Escola Dr.Walmir Campos



Escola Manoel de Queiroz



Escola Valdemar Meneses



Escola Agrícola de Umãs



Escola Antônio Vieira de Barros